terça-feira, 19 de agosto de 2014

Mais valia ter um néon em cima da cabeça!

E não é que aquela tradição (hoje vou-me abster de praguejar) de a noiva atirar o ramo às mulheres solteiras ainda se mantém? E não é que eu continuo a ser obrigada a participar nessa (como lhe hei-de chamar?) cerimónia? Não que eu faça questão, porque não faço, mas quando penso que evito uma vergonha, acabo por sofrer uma maior. Estava eu sentada no meu canto, sossegadita, quando o animador do evento anuncia alto e bom som que o atiranço do ramo iria decorrer no centro da pista de dança, logo todas as mulheres solteiras se deveriam dirigir para lá. Eu mantive-me quieta e sentadinha no meu lugar e a noiva lá começa a fingir que atira o ramo levando as solteiras ao rubro. Até que se ouve um "PÁRA TUDO. FALTA UMA". Se soubessem o amor que senti pelo meu primo naquele momento... Era tão forte que me apetecia bater-lhe só para extravazar tanto sentimento. O animador pergunta-lhe como me chamo, aquele camelo diz e lá estava eu a ser chamada pelo animador para ir para o centro da pista. Para despachar o sofrimento lá fui, com o meu sorriso mais amarelo e com o meu olhar de "tás tão fodido comigo" dirigido ao meu querido primo, que, no fim, ainda teve a lata de me dizer "ainda bem que só fazem isso às mulheres"...

20 comentários:

  1. O pior é que já está combinado quem vai apanhar o bouquet e, às vezes, só falta mesmo a noiva entregar em mão à amiga que fica toda contente a olhar para o namorado com uma total cara de pânico!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha por mim toda e qualquer noiva pode muito bem entregar o ramo a quem bem entender.. Desde que não me obriguem a fazer parte disso!!!

      Eliminar
  2. Bem... No meu casamento não vão estar muitas mulheres solteiras, pelo que vai haver pouca afluência a essa tradição. Mas confesso que até acho piada a ver algumas mulheres a esgadanharem-se todas para apanhar o ramo. Para a próxima já sabes. Vais, pões-te atrás da molhada e tens cuidado para não levar com nenhum cotovelo...

    Já agora, ainda me tou a rir com a saída do "atiranço do ramo"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas a questão é mesmo essa.. esgadanharem-se por um ramo de flores? Oh por favor.. ir à florista é bem mais prático e o ramo vem todo compostinho!

      Eliminar
    2. Pois... Por acaso ontem falei com a T. acerca disso. Ela gosta da cena do atiranço do ramo (LOLOL) mas vai levar um ramo diferente do "dela" porque quer guardá-lo

      Eliminar
  3. E depois disso tudo não apanhaste o ramo?? Loool
    Por acaso não percebo tanta complicação por causa de um ramo. Mais vale fazer raminhos do ramo e dar a cada uma...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi uma miúda de 14 anos que o apanhou..depois de ter abalroado duas pessoas loool uma animação aquilo!!!

      Eliminar
    2. Então ou a rapariga vai ser precoce ou as solteiras que estavam lá vão ter muito que esperar :)

      Eliminar
  4. Quero um primo assim,fodassssssssssssssssssssssssss...A família é toda assim?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Capaz de me envergonhar em qualquer lado? É.... Tens para troca?

      Eliminar
  5. Primeiro: 'pera...ainda estou a lim par a lágrima, mas não é de "pena" de ti, é do que me fizeste rir!
    Segundo: Tantas modernices...e há "tradições" bacocas que não há maneira de desaparecerem...
    Terceiro: No meu casamento não houve ramo para ninguém, era o que me faltava...já na altura fazia contas à vida e o ramo ficou-me muito caro para o esbardalhar nas mãos de uma qualquer...
    Quarto: A sova ao teu primo está marcada para quando?! ...Eu levo o ramo (para lhe dar com ele!)

    Jinhooooooossssssss

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tantas coisas boas que são esquecidas e isto continua firme e hirto... Vá-se lá perceber!!!! Tu foste inteligente sem dúvida. :-) o meu primo tem sorte de estar emigrado e de só me ver de vez em quando....

      Eliminar
  6. O teu primo só quer o teu bem. Quer ver se desencalhas de vez.
    Vá lá, não sejas pobre e mal agradecida com o moço ;p
    Ahahahahahahahah!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Loool que me apresente moços decentes e casadoiros.... Agora querer que apanhe com um ramo no focinho? Isso é que não...

      Eliminar
  7. Ahahahah até me rio de imaginar o tal olhar de "estás tão fodido" xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vê-se pouco os olhos porque ficam semi-cerrados.. É para focar melhor :-P

      Eliminar
  8. Eu tb tento sempre escapar a esse momento maravilhoso dos casórios, mas há sempre alguma alminha que me vê lá no nosso canto, a rir das figuras das outras, e me arrasta lá para o meio...

    ResponderEliminar