quinta-feira, 26 de junho de 2014

E tudo o "Bento" levou...

Para mim o Paulo Bento é um penedo com olhos. Ou numa só palavra, um cepo!
Reconheço-lhe tantas capacidades como a um caracol e o bicho ainda pode contribuir com baba à sociedade o que só abona a favor dele.
Mas no caso deste Mundial, e eu ainda não tinha opinado sobre este acontecimento, culpar apenas e só o penedo com olhos é um erro. Ele tem a responsabilidade da convocatória, é um facto. Não convocou os melhores e isso é ponto assente desde o início, mas toda a preparação deixou muito a desejar. Senão vejamos:

- Os jogos de preparação (vamos continuar a chamar-lhes assim que é bonito) nos Estados Unidos.
Desengane-se a comunidade portuguesa nos states. Não eles não quiseram receber o vosso apoio e carinho. Eles, a Federação entenda-se, quiseram encher os bolsos à vossa custa.

- A chegada tardia ao Brasil para adaptação da equipa.
Ir jogar um Mundial não é a mesma coisa que ir de férias a terras de Vera Cruz. E reclamar agora do horário dos jogos é a mesma coisa que passar atestados de burrice ou não sabiam já, e há muito, a que horas iam jogar? A menos que tenham ar condicionado incorporado naqueles penteados aerodinâmicos, fazia todo o sentido adaptarem-se às condições climatéricas sim senhora.

- Treinos abertos ao público.
Eu sei que as brasileiras têm tudo no sítio, pelo menos as das novelas nota-se. Mas deixá-las invadir os treinos é mesmo mais importante do que, sei lá.. treinar? É que os jogos ganham-se com trabalho, não com autógrafos. E já nem falo das outras equipas verem a nossa tática porque para isso era necessário que houvesse realmente alguma...

- Folgas.
Andamos a treinar tanto e a jogar tão bem que no dia a seguir aos jogos há folga. Faz sentido sim senhora...

Isto é responsabilidade da Federação e por mim bem que podem ficar todos no Brasil a vender água de coco ou a pedir no Cristo Rei.

Por isso hoje não acredito nem um bocadinho assim |___| numa vitória de Portugal. Vi o jogo do Gana com a Alemanha e tenho medo que o João Pereira saia do campo estrábico de tanto trocar os olhos a ver os ganenses correr.. E quem diz o João Pereira diz o resto...

8 comentários:

  1. Eu acho que eles pensavam que bastava ter o Ronaldo e o campeonato era limpinho. Adaptação ao clima e horário locais é para meninos, os portugas não precisam de nada disso, enfim.
    Não acompanhei muito o Mundial, aliás, nem vi o jogos, mas não era a fazer o que tu descrevestes que iam ser campeões do mundo.
    Segundo sei, a Alemanha fez a preparação lá e ainda por lá anda e os outros países europeus foram à vida.
    Em 2018 há mais Mundial, se forem apurados.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Li algures que a Alemanha chegou a treinar em estufas para se adaptar ao calor e à humidade. A ser verdade, os salsichas não brincam!!!

      Eliminar
    2. Acho que não foi a Alemanha, mas sim a Inglaterra. Também não lhes serviu de muito :P

      Eliminar
    3. Oh, mas os bifes no calor começam a fica cozinhados loool

      Eliminar
  2. Está tudo dito. Resumo muito bem feito. Siga ...para a frente que atrás vem gente. ...daqui a dois anos já ninguém se lembra e volta toda a gente a bater-lhes palminhas e a gritar por amor à pátria...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E nós a contribuir para as "férias" dos ilustres profissionais.. Um dia que tenha um filho, vai jogar à bola nem que não queira lol

      Eliminar
  3. Concordo com a tua análise.
    Resta-me só dizer uma coisa em relação aos treinos: a FIFA obriga a que haja um treino aberto ao público. O segundo é que já foi combinação entre a Prefeitura de Campinas e a FPF. Aí sim foi palhaçada a mais.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um treino aberto.. Agora palhaçada em todos e folgas com fartura já é brincar em serviço!!

      Eliminar