segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Loucura

A essência das pessoas não se vê nos maus momentos nem em tempos de crise e muito menos quando uma amigo precisa. Isto não passa de um mito urbano.
A verdadeira essência das pessoas vê-se nos saldos. Qual selva africana, a espécie dominante ronda a sua presa examinando-a durante largos períodos de tempo, nada é deixado ao acaso, tudo é visto ao pormenor. Quando outra criatura se aproxima é, desde logo, intimidada por um olhar feroz. Aquela presa já tem o seu destino marcado e nada vai impedir o curso natural das coisas.

Os saldos são assim: uma loucura de caçadores e presas, com empurrões, cotoveladas e insultos. E juro que eu não queria tirar nada a ninguém nem passar à frente de ninguém. Eu só queria pagar umas meias... sim, um mísero par de meias..

4 comentários:

  1. É terrível, não é?! É por isso que raramente compro o que quer que seja nesta altura!
    bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu acho que as pessoas se passam da cabeça mesmo!! Credo!

      Eliminar
  2. Valha-me Deus! É por isso que eu vou aos Saldos... no fim!
    Epá não tenho pachorra nem feitio para aturar pseudo leoas, sim porque normalmente é sempre o mulherio que desatina!
    Se estava destinado para mim há de esperar pela minha presença por isso... tou tranquila :P
    Beijinhooo manaaaa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se fosse no dia 21 de Dezembro, ia dizer que era o fim do mundo LOL Também não tenho pachorra, mas precisava das meias, que nem em saldos estavam... Oh vida!
      Beijinhooooooo **

      Eliminar