terça-feira, 23 de outubro de 2012

Estarei a ficar completamente maluca?

Deu entrada no hospital em estado muito grave. Havia sangue por todo o lado e o médico responsável abanava constantemente a cabeça. Alguém diz "é demasiado tarde" e a imagem seguinte é a de um outro médico a fazer um comunicado onde diz que "o paciente entrou em coma e as máquinas serão desligadas conforme as indicações da família". Há um grande aparato televisivo. Vão desligar as máquinas e esse momento será transmitido em directo. Não sei em que canal. As máquinas são desligadas. A vozz off diz "Morreu. O grande Quim Barreiros já não está entre nós".

Foi este o sonho que tive esta noite. Estarei a ficar completamente maluca?

9 comentários:

  1. O Quim Barreiros?!?!?! LOOOOL
    Gaja, tu sonha com algo melhor. lol
    beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh.. não mando nos meus sonhos, mas bem que dava jeito! A sério, não sei onde vou buscar estas coisas... ***

      Eliminar
  2. Tio Quim? Naaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaooooooooooo!
    Desatei a chorar e só passado muito tempo é que li o último parágrafo. Achas bem assustar assim uma pessoa? Ainda se me dava um ataque de coração.

    Agora a sério, bem-vinda ao clube de gente que sonha coisas estranhas. Se eu tivesse uma memória melhor abria um blog só para os meus sonhos. Seria o sucesso, de certeza.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este entra directamente para o meu top 3 de sonhos estranhos.. O Hitler e um campo de concentração é o mais estranho está em nr 1 e uma vaca, o animal mesmo, que me ataca ocupa o 2ª lugar... Pelo menos dos que me lembro.

      Eliminar
    2. Eu já tive o meu irmão a ser raptado por ETs para ir para uma festa numa piscina que afinal era um tanque, já tive um prédio a transformar-se num dragão, já tive um avião gigantesco a cair perto de minha casa, já tive o chão de casa da minha avó a transformar-se num buraco sem fundo. É só escolher!

      Eliminar
    3. Se Freud nos conhecesse escreveria muito mais sobre o subconsciente. Ou então fechava-nos a sete chaves para não lhe darmos cabo do negócio...

      Eliminar
    4. Oferecia-nos uma estadiazinha num hotel de cinco estrelas. Daqueles com decoração moderna: tudo branco. E com o maior conforto possível: tudo almofadado. E ainda tínhamos direito a um roupão chique... daqueles com mangas grandes com fivelas...

      Eliminar