quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Tudo bem?

Digo que sim, que está tudo bem comigo e, em última análise, está!
Não estou doente, tenho trabalho, tenho família e amigos e estou viva. É isso que "estar bem" significa não é? Faço acompanhar o "sim, está tudo bem" com um sorriso e, mais uma vez, escondo o turbilhão que vai aqui dentro. Não falo das saudades que me apertam o peito, não falo da falta que me fazes todos os dias, não digo que escrevo mensagens que não chego a enviar nem que ainda há dias em que adormeço a chorar... Não digo que depois deste tempo e da tua indiferença ainda te quero na minha vida, não digo que tu continuas a ser o "meu" porto de abrigo nem que é em ti e em todos os nossos momentos parvos que penso quando o dia não me corre bem... Não digo nada, guardo para mim tudo o que sinto e há dias em que sinto que vou acabar por enlouquecer de vez!!!

Sem comentários:

Enviar um comentário